A falta de acesso à água contribui para a desigualdade de gênero

Data: 07/03/2018
Area: Social
Autor:
Categoria: Água, Social
Dia Internacional da Mulher - Água

A falta de acesso à água e saneamento também contribui para o aumento da desigualdade de gênero. Isso acontece porque, historicamente, as mulheres são relegadas às atividades domésticas. Em um cenário de escassez hídrica, elas acabam se tornando as principais responsáveis pela coleta de água para a família. Em países da África subsaariana, por exemplo, uma caminhada para coletar água dura em média 30 minutos, podendo facilmente chegar a 1 hora.

Segundo a Unicef, se somarmos o tempo que mulheres e meninas gastam para coletar água, em todo o mundo, chegamos a inacreditáveis 200 milhões de horas por dia! Veja aqui: http://bit.ly/2FgdaGt

Você já parou pra pensar o quanto isso prejudica a vida das mulheres? Já imaginou se essas 200 milhões de horas pudessem ser gastas com estudos e trabalho, por exemplo? Quantas mulheres não teríamos em postos de poder?

Um mundo mais sustentável deve passar, necessariamente, pela #igualdadedegênero!

#DiaInternacionaldaMulher #TodosJuntosPelaÁgua #8M #ÁguaEmNúmeros #ODS5 #ODS6



Gyssele Mendes

Informações do Autor

Gyssele Mendes

Gyssele é mestre em Comunicação Social pela UFF e assessora de comunicação do CEBDS desde 2016.