Fines Dry Magnetic Separation (FDMS)

Ficha Técnica

Empresa

New Steel

Metas:

  • 1

    Ampliar a inserção do tema água na estratégia de negócios.

Descrição geral

Tecnologia de processamento e beneficiamento de finos e superfinos de minério de ferro sem o uso de água. Trata-se do Fines Dry Magnetic Separation (FDMS), desenvolvido pela New Steel. O sistema está na contramão do padrão operacional vigente e praticado por mineradoras de todo o mundo.

O tema água é estratégico para a New Steel desde sua essência, visto que a empresa desenvolveu uma inédita tecnologia de processamento e beneficiamento de finos e superfinos de minério de ferro integralmente a seco. Trata-se do Fines Dry Magnetic Separation (FDMS), um processo na contramão do modelo operacional vigente e praticado por mineradoras de todo o mundo – o processamento a úmido.

No modelo tradicional, cada tonelada de minério de ferro processada, consome cerca de 1.000 litros de água em sua produção. A tecnologia inovadora desenvolvida pela New Steel não utiliza nem uma gota de água no processo de beneficiamento de minério de ferro.

Para se ter uma ideia do impacto positivo da tecnologia, a produção brasileira de minério de ferro foi de 430 milhões de toneladas em 2017, conforme dados da Agência Nacional de Mineração. Desse total, cerca de 250 milhões foram processados por meio do processamento a úmido. Ou seja, foram consumidos em torno de 250 bilhões de litros de água. Tal volume é suficiente para atender a demanda hídrica de uma população de 5,5 milhões de habitantes em um ano, o que equivale a populações de países como Finlândia, Noruega e Eslováquia.

O desenvolvimento de soluções inovadoras que proporcionem benefícios ambientais é o grande diferencial das atividades da New Steel. O respeito absoluto da empresa ao meio ambiente materializa-se, principalmente, com o desenvolvimento do processo de beneficiamento mineral que poupa os recursos hídricos, tão escassos nesta época de crise. O material proveniente de rejeitos e minérios brutos de baixo teor é explorado de forma a causar o menor impacto ambiental possível, abrindo mão da utilização de água e proporcionando uma maior recuperação em massa e metalúrgica.

A estratégia de gestão hídrica da empresa é representada inegavelmente pela tecnologia desenvolvida, diante da imensa preservação de água acima mencionada. Não obstante, a New Steel planeja investir também em técnicas para o uso racional e redução do consumo de água de suas unidades, que referem-se basicamente ao abastecimento das necessidades humanas e das instalações. Entre elas, a instalação de mecanismos que permitam a captação de águas pluviais, com reaproveitamento destas para regar jardins e lavagens de pisos; recirculação de águas e; utilização de produtos biodegradáveis.

Tais medidas representam pequenas ações, que quando somadas, incluindo principalmente conscientização dos agentes envolvidos, podem trazer contribuições significativas ao meio ambiente.

  • As estimativas da New Steel são de que, até 2025, haverá três plantas industriais em operação, utilizando a inédita tecnologia de processamento e beneficiamento de finos e superfinos de minério de ferro, integralmente a seco;
  • Desenvolvimento dos Programas de Gestão e Monitoramento de Águas e Efluentes e Avaliação dos mecanismos implementados nas unidades atuais da New Steel até o fim de 2019;
  • Treinamentos para racionalização e conscientização dos colaboradores, até meados de 2019.

Coleta de dados, análise e interpretação dos resultados obtidos, compilados em um documento de síntese anual comparativo entre estes resultados e as respectivas metas, de modo a identificar eventuais desvios e ações corretivas e de aprimoramento.

Galeria de Mídias

Documentos para download

  • Fines Dry Magnetic Separation (FDMS)

    Fines Dry Magnetic Separation (FDMS)