Ações sustentáveis impactam na Gestão de Pessoas

Data: 15/01/2020
Autor:

A gestão de pessoas com a perspectiva da sustentabilidade traz ainda mais benefícios: comunicação interna torna-se um foco da estratégia, o relacionamento com colaboradores vira prioridade e o empregado transforma-se em figura ativa na construção da marca perante ao público.

Confira como as ações sustentáveis impactam na gestão de pessoas e como implementar boas práticas:

Capacitação

Capacitar os colaboradores é fundamental. Investir em treinamentos que deixem a equipe alinhada com os objetivos e metas da empresa aumentam as chances de sucesso. Reter talentos e capacitar os colaboradores é crucial para que a empresa tenha um bom desenvolvimento:

– Inclua treinamentos de práticas sustentáveis;

– Estimule iniciativas de discussão sobre sustentabilidade, não só no trabalho, mas na comunidade e em casa;

– Crie uma agenda com datas comemorativas de conscientização que a empresa preze;

– Utilize as SIPATS (Semana Interna de Prevenção de Acidentes do Trabalho) para promover ações e consciência sustentável entre os colaboradores.

Diversidade 

É importante adotar programas abrangentes que envolvam, tratem e discutam as diferenças étnicas, de gênero, sexualidade e inclusão. A diversidade deve ser colocada em prática nas organizações para que diferenças não sejam barreiras, sendo assim, proponha parcerias ou contrate consultorias especializadas nessa temática para tratar do tema com o público interno de modo estratégico.

– Crie um calendário de datas especiais voltadas para o tema;

– Promova debates e apresente números relacionados à gestão de pessoas em relação à diversidade nessas datas;

– Convide especialistas para palestras, conscientize sobre leis;

– Abra as portas para a comunidade e convide stakeholders a participarem desses eventos que tenham como objetivo a conscientização.

Departamento Pessoal

O Departamento Pessoal tem papel fundamental no dia a dia do colaborador e na sua longevidade dentro da empresa. Fique atento a algumas práticas:

– Pagamento adequado ao praticado no mercado, considerando bonificações por resultado, benefícios e premiações. Se lá fora for mais vantajoso, seu pessoal fica vulnerável aos ataques da concorrência;

– Tenha atenção redobrada para questões de diversidade. Faixas salariais devem ser definidas por categoria, e não por gênero, raça, idade ou qualquer outro fator. Parece óbvio, mas é importante garantir que o plano de carreira não permita que dois empregados com o mesmo nível tenham salários discrepantes. Preconceito é crime, além de desestabilizar o clima organizacional;

– Invista na qualidade de vida dos colaboradores. Lembre-se que profissionais satisfeitos e com saúde trabalham mais felizes, produzem mais e ficam mais tempo na corporação.

Liderança engajada

As lideranças empresariais devem estar engajas com as políticas de sustentabilidade. É necessário que a direção da empresa dê valor de fato à causa da sustentabilidade. É importante:

– Sensibilizar as lideranças de diferentes áreas;

– Promover a troca de ideias e experiências entre os setores;

– Propor encontros regulares de alinhamento entre colaboradores e direção.

Gestão estratégica da equipe

É importante ter avaliação dos componentes da equipe e analisar se o funcionário compartilha dos mesmos valores da empresa, compartilham seus objetivos. Para isso, você deve:

– Fazer processos seletivos eficientes;

– Fornecer feedbacks e apresentar sugestões de melhoria ao apontar algum erro;

– Dar chance a profissionais insatisfeitos, mudando sua área de atuação;

– Promover a diversidade por meio de debates, palestras com especialistas e reuniões com stakeholders e tomadores de decisão que se posicionem a favor de iniciativas sustentáveis;

– Desenvolver planos de carreira dentro da empresa;

– Estudar experiências de sucesso de outras organizações no mercado;

– Incentivar boas práticas ambientais;

– Divulgar planejamentos e metas da empresa de forma transparente;

– Criar um canal de comunicação entre os colaboradores e a liderança;

– Investir na qualidade de vida dos colaboradores: profissionais contentes e saudáveis rendem muito mais.

As ações sustentáveis impactam diretamente a Gestão de Pessoas, do processo inicial de seleção até a avaliação de resultados. Confira na íntegra o Guia de Sustentabilidade para empresas – Gestão de Pessoas:

Guia sobre Sustentabilidade e Gestão de Pessoas - CEBDS