COP25 será realizada em dezembro no Chile 

Data: 15/10/2019
Autor:

A Organização das Nações Unidas irá realizar a 25ª Conferência das Partes (COP25) em Santiago, no Chile, entre os dias 2 e 13 de dezembro. A COP será presidida pela ministra do Meio Ambiente do Chile, Carolina Schimidt. Para a ministra, o caminho para alcançar o verdadeiro desenvolvimento sustentável é por meio do cuidado com o meio ambiente; para qual é fundamental enfrentar a adaptação e mitigação das mudanças climáticas.

Após desistência do Brasil em sediar a COP25, outro país teve que ser escolhido. De acordo com as regras da ONU, em 2019 é a vez de um país da América Latina ou do Caribe sediar o evento. Chile e Costa Rica haviam se apresentado, mas o país da América Central se retirou devido aos custos, e se ofereceu para ajudar o Chile na organização da Conferência das Partes.

Na COP24, na Polônia, Carolina Schmidt assumiu como líder as negociações globais do mercado de carbono e apresentou o Chile como o país anfitrião da COP25. “Isso representa um enorme desafio, que assumimos como um marco histórico que nos permitirá continuar avançando como país líder em desenvolvimento sustentável e em nosso compromisso com o meio ambiente”, afirmou.

O que é a COP?

A Convenção-Quadro das Nações Unidas sobre a Mudança do Clima (UNFCCC), um tratado internacional resultante da Conferência das Nações Unidas para o Meio Ambiente e o Desenvolvimento,  conhecida como a Cúpula da Terra, realizada no Rio de Janeiro em 1992. Estabelece as obrigações básicas das 196 Partes (Estados) e da União Europeia para combater as mudanças climáticas. 

A Conferência das Partes (COP) é o órgão supremo de tomada de decisão da UNFCCC. As Partes se reúnem todos anos para analisar analisar o progresso na implementação da Convenção, em que outros instrumentos que apoiam seu estabelecimento são propostos, avaliados e aprovados. 

A primeira COP foi realizada em Berlim, na Alemanha, em 1995. Já foram 24 COPs realizadas, a última em Katowice, na Polônia, em dezembro de 2018. A Presidência da COP alterna as regiões das ONU: África, Ásia, Europa Central e Oriental, Europa Ocidental e América Latina e Caribe.