Cebds e COP26

O CEBDS representa os maiores e mais expressivos grupos empresariais do Brasil e promove o desenvolvimento sustentável por meio da articulação junto aos governos e a sociedade civil, além de divulgar os conceitos e práticas mais atuais do tema. Hoje reúne cerca de 80 grupos empresariais, com faturamento equivalente a cerca de 45% do PIB e responsáveis por mais de 1 milhão de empregos diretos.

Como representante no Brasil do World Business Council for Sustainable Development (WBCSD), o CEBDS integra uma rede global de mais de 60 conselhos nacionais espalhados por todos os continentes.

O Conselho e suas empresas associadas participam ativamente das Conferências do Clima desde 1997. Em 2021 estamos em Glasgow reafirmando nossa ambição de integridade climática na 26ª Conferência das Nações Unidas sobre as Mudanças Climáticas.

Aqui você acompanha a agenda e as principais ações do CEBDS e do setor empresarial brasileiro na COP26.

Confira a agenda do CEBDS na COP26

Posicionamento Empresários pelo Clima

Mais de 100 empresas brasileiras firmaram um compromisso de combater a emissão de carbono e as mudanças climáticas no mundo.

Esse é o posicionamento que será levado pelo setor empresarial brasileiro para a COP 26.

O posicionamento “Empresários pelo Clima”, é uma iniciativa do CEBDS, apoiado por diversas entidades setoriais.

Acesse o documento

Guia do CEO para a COP26

O Guia do CEO para a COP26 busca trazer e esclarecer conceitos sobre as mudanças climáticas, as metas e princípios contidos no Acordo de Paris, além de ressaltar os impactos da emergência climática e as oportunidades para o setor empresarial. Reforça a importância do engajamento das empresas na temática, para que apoiem a inserção do Brasil nessa nova realidade global.

Com esta publicação, reforçamos ainda nossa certeza de que o Brasil deve assumir sua responsabilidade no combate ao aquecimento global e aproveitar as vantagens competitivas que temos com as atividades de baixo carbono.

Acesse o documento

Posicionamento do Setor Empresarial sobre a Amazônia

O setor empresarial está ciente de que com a realização da Conferência das Nações Unidas sobre Mudanças Climáticas, a COP26, e da COP15, sobre biodiversidade, o tema Amazônia estará ainda mais em evidência. Eliminar o desmatamento ilegal até 2030 é meta do Brasil no âmbito do Acordo de Paris, em sua Contribuição Nacionalmente Determinada (NDC), e é uma das principais ações defendidas pelo setor.

O Posicionamento do Setor Empresarial sobre a Amazônia, é fruto de uma parceria entre CEBDS e a iniciativa Uma Concertação pela Amazônia, e possui seis pilares focados no combate ao desmatamento ilegal e na promoção de uma economia inclusiva e regenerativa: rastreabilidade da cadeia; ambiente institucional e transparência; bioeconomia; energia e infraestrutura; inclusão econômica e social das comunidades locais; e tecnologia.

Acesse o documento

Cobertura em tempo real

Pré COP26

Patrocínio Master

Patrocínio Ouro