COVID-19: cerca de 25 milhões de empregos podem ser perdidos, aponta OIT

Data: 23/03/2020
Autor:

A OIT – Organização Internacional do Trabalho indica que a pandemia do COVID-19, o novo coronavírus, levará milhões de pessoas ao desemprego e ao subemprego. A estimativa é de 25 milhões de desempregados. A nota “COVID-19 e o mundo do trabalho: Impactos e respostas” defende a adoção de medidas urgentes, em larga escala e coordenadas. Para a OIT é necessário seguir as seguintes recomendações: proteger os trabalhadores no local de trabalho; estimular a economia e o emprego; e apoiar os postos de trabalho e a renda.

É previsto também que a pobreza no trabalho aumente, pois “a pressão sobre a renda resultante do declínio da atividade econômica devastará os trabalhadores próximos ou abaixo da linha de pobreza. Isso não é somente uma crise global da saúde, é também uma grande crise do mercado de trabalho e econômica que está causando um enorme impacto nas pessoas”, diz o diretor-geral da OIT, Guy Ryder.

Saiba mais: https://nacoesunidas.org/oit-quase-25-milhoes-de-empregos-podem-ser-perdidos-no-mundo-devido-a-covid-19/amp/