Sala de Imprensa

Evento reúne lideranças empresariais para debater agenda de desenvolvimento sustentável

10/09/2018

Nesta terça-feira, dia 11 de setembro, lideranças multissetoriais vão debater “Qual é o País que os nossos negócios estão construindo?”. Esse é o tema escolhido pelo Conselho Empresarial Brasileiro para o Desenvolvimento Sustentável (CEBDS), ser uma linha mestra dos debates da nona edição do Congresso Internacional sobre Desenvolvimento Sustentável (Sustentável 2018), que acontecerá no Teatro Santander, aberto ao público em geral e com transmissão online.

Estão entre os painelistas CEOs das empresas associadas ao CEBDS, como o Banco Santander, Shell, Ambev, Vestas, BRK Ambiental e Siemens, diretores da Phillip Morris, Vale, Itaú e Natura, e representantes do BID, IFC, Coalizão Brasil, CDP, iCS, Febraban e Ipam.

“O CEBDS tem como missão ser uma ponte para reunir governo, sociedade e empresas, facilitando a troca de experiências, a elaboração de políticas públicas e o engajamento da sociedade nas causas que permitam que o País percorra o caminho do desenvolvimento sustentável, pavimentando uma transição para uma nova economia de baixo carbono, com preservação dos recursos naturais e responsabilidade social”, afirma Marina Grossi, presidente da instituição, que possui 21 anos, e conta com 60 das maiores empresas do País, responsáveis por mais de 1 milhão de empregos.

O evento deste ano marca a apresentação pública da Agenda CEBDS por um País Sustentável, que reúne 10 propostas na área de eficiência energética, reflorestamento, redução de emissões de gases do efeito estufa, incentivos à energia renovável, e promoção da igualdade de gênero e inclusão na contratação de trabalhadores.

As propostas foram construídas ao longo de meses no âmbito do Conselho de Líderes, que reúne os presidentes das empresas associadas, e estão sendo encaminhadas aos presidenciáveis. O tucano Geraldo Alckmin e o candidato do PSOL, Guilherme Boulos, já receberam seus exemplares. Ciro Gomes, Marina Silva, Fernando Haddad e João Amoedo, também já possuem agenda para receber as propostas que serão debatidas no evento. Mais do que isso, o CEBDS pretende fazer um acompanhamento de perto da implementação das medidas nos próximos anos, e já começou no atual governo a apresentar estudos colaborativos para sua implementação.

Em julho, por exemplo a presidente do CEBDS, Marina Grossi, acompanhada dos presidentes da Shell, André Araújo; Siemens, André Clark; e Vestas, Rogério Zampronha, apresentou ao ministro da Fazenda estudo elaborado em parceria com o Banco Mundial, que apresenta as vantagens da criação de um mercado de carbono no Brasil, que incentive as empresas emissoras a investir em energia renovável, financiando a transição para uma matriz energética mais limpa.

“Quando falamos de sustentabilidade estamos sim falando de negócios e de geração de empregos. As perdas anuais cobertas pela indústria de seguros por conta de riscos climáticos entre 1980 e 2017 mais do que quintuplicou, com um salto de US$ 10 bilhões para US$ 55 bilhões. Ao mesmo tempo, a Agência Internacional de Energias Renováveis (Irena) estima que a economia global poderá criar até 28 milhões de empregos no setor de energia renovável até 2050, com a descarbonização do sistema energético. E no Brasil, há um potencial imenso para assumirmos a frente das discussões em nível globais”, disse Marina, que é uma das oito lideranças mundiais com assento no Steering Committe da Carbon Pricing Leadership Coalition (CPLC), do Banco Mundial.

Prêmio Liderança Feminina 

Durante o Sustentável 2018 também serão reveladas as vencedoras das três categorias do Prêmio Liderança Feminina: Empresas Associadas, Iniciativa Novas Líderes e Voto Popular. O prêmio reconhece a atuação de mulheres de empresas, organizações do terceiro setor e governo, que trabalham em sinergia com um ou mais dos Objetivos de Desenvolvimento Sustentável (ODS), instituídos pela ONU.

O Sustentável 2018 é patrocinado pelo Santander, Itaú, Braskem, Philip Morris do Brasil, iCS e Instituto Arapyaú, e conta com apoio da Nespresso e Filtros Europa. O evento terá suas emissões de carbono compensadas, através de compra de créditos de carbono ou plantio de árvores, em parceria com a Neutralize Carbono.

Informações para imprensa

 Kelly Lima – Gerente de Comunicação CEBDS

(21) 99850-3006

kelly.lima@cebds.org

Renata Mello – Approach

(21) 99606-0737

renata.mello@apporach.com.br

 

Serviço

Congresso Sustentável 2018

Data: 11 de setembro de 2018

Horário: 9h às 16h50

Local: Teatro Santander – Av. Pres. Juscelino Kubitschek, 2041 – Itaim Bibi, São Paulo – SP

 Programação

8h – 9h Credenciamento e café de boas-vindas

9h – 9h10 A arte de contar histórias, por Kiara Terra

9h15 – 9h30 Abertura

Marina Grossi, presidente do Conselho Empresarial Brasileiro para o Desenvolvimento Sustentável (CEBDS)

Sérgio Rial, presidente do Santander Brasil

9h30 – 10h40: Painel 1: Grande Diálogo Empresarial: Agenda por um País Sustentável – Visão de futuro do Brasil 

André Lopes de Araujo, presidente da Shell Brasil

Bernardo Paiva, presidente Executivo da Ambev

Rogerio Zampronha, presidente na Vestas Brasil & Cone Sul

Teresa Vernaglia, presidente da BRK Ambiental

Moderação: Marina Grossi, presidente do CEBDS

10h40 – 10h45 Lançamento do estudo de viabilidade de financiamento para projetos de energia solar fotovoltaica

Mario Sérgio Vasconcelos, diretor de Relações Institucionais da FEBRABAN

10h45 – 11h55 Painel 2: Grande Diálogo da Sociedade: Cooperação de agendas e formas de inovar.

Ana Toni, diretora executiva do Instituto Clima e Sociedade (iCS)

  • Denise Hills, presidente da Rede Brasil do Pacto Global e superintendente de sustentabilidade e    negócios inclusivos do Itaú

Marcelo Furtado, integrante do Grupo Estratégico e Executivo da Coalizão Brasil Clima, Florestas e Agricultura e diretor executivo do Alana Foundation

Moderação: Ana Carolina Szklo, diretora de Desenvolvimento Institucional do CEBDS

11h55 – 12h05 Resultados do projeto: precificação de carbono para investidores e reguladores

Laura Albuquerque, assessora técnica do CEBDS

Lauro Marins, diretor executivo do CDP para América Latina

12h10 – 14h Intervalo para almoço

14h – 15h10 Painel 3: Qual a influência das Mudanças Climáticas no acesso ao capital?

Keyvan Macedo, gerente de Sustentabilidade da Natura

Pablo Cardinale, especialista em meio ambiente sênior do International Finance Corporation (IFC)

Lauro Marins, diretor executivo do CDP para América Latina

ModeraçãoMaria Netto, especialista líder em mercados financeiros do Banco Interamericano de Desenvolvimento (BID)

15h10 – 16h20 Painel 4: Que sociedade nossos negócios estão construindo?

André Clark, presidente e CEO da Siemens no Brasil

Gabriela Wurcel, vice-presidente de Assuntos Corporativos para a América Latina & Canadá da Philip Morris International.

Luiz Eduardo Osorio, diretor executivo de Sustentabilidade e Relações Institucionais da Vale

Roberto Rodrigues, coordenador do Centro de Agronegócio da FGV/EESP

Moderação: André Guimarães, diretor executivo do Instituto de Pesquisa Ambiental da Amazônia (Ipam)

16h20 – 16h40 – Cerimônia de premiação do Prêmio CEBDS de Liderança Feminina

16h40 – 16h50 Encerramento: Marina Grossi, presidente do CEBDS