Uso do padrão AWS International Water Stewardship Standard

Ficha Técnica

Empresa:

Philip Morris Brasil

Metas:

  • Ampliar a inserção do tema água na estratégia de negócios.

Ano:

2018

Descrição geral

Utilização dos padrões AWS International Water Stewardship Standard. O sistema permite a mensuração do impacto do uso da água nas operações e gerenciamento do seu uso sustentável. Meta de adotar o mais alto nível de aplicação dos parâmetros até 2025.

Ações

À medida em que avançamos em direção à nossa visão de um futuro sem fumaça, sabemos que reduzir nosso impacto ambiental para gerenciar de maneira sustentável os recursos limitados do planeta também é fundamental para o nosso crescimento a longo prazo. A água é preciosa e estamos comprometidos em usá-la de forma responsável onde quer que operemos.

O AWS International Water Stewardship Standard é um padrão aplicável globalmente que permite aos usuários de água entender o impacto do uso da água e assim trabalhar de maneira colaborativa e transparente para o seu gerenciamento sustentável.

O padrão define a administração de recursos hídricos para o uso de água socialmente justo, ambientalmente sustentável e economicamente benéfico, por meio de um processo inclusivo de diferentes stakeholders e que leve em consideração também as necessidades das comunidades locais e das bacias hidrográficas, onde as operações das empresas estão presentes, descrevendo uma série de ações, critérios e indicadores de como a água deve ser gerenciada além dos limites das companhias, assim gerando benefícios sociais, ambientais e econômicos para as bacias hidrográficas.

As empresas, ao implementarem o padrão, devem se comprometer a resolver esses desafios de forma contínua e levando em consideração quatro aspectos fundamentais:

1. Boa governança da água: avaliar a governança da água nas operações das empresas, desde a sua captação, analisando os procedimentos e regras estabelecidos quando de sua implementação, respeitando direitos consuetudinários locais e os aspectos regulatórios aplicáveis;

2. Equilíbrio hídrico sustentável: garantir que o uso da água seja compatível com os volumes naturalmente disponíveis por meio da mitigação do risco hídrico e de impactos adversos na disponibilidade de água;

3. Bom estado da qualidade da água: assegurar que a qualidade da água é suficiente para o uso através da mitigação do risco físico e redução do impacto adverso decorrente da má qualidade da água nas dimensões econômica, ambiental e social;

4. Situação saudável das áreas relevantes relacionadas com a água: avaliar se as áreas de uma determinada bacia estão em bom estado de preservação e se, caso prejudicadas ou perdidas, teriam um impacto adverso nos benefícios ambientais, sociais, culturais ou econômicos dela derivados de maneira significativa ou desproporcional.

Na busca desses resultados, a implementação do Padrão AWS estimula abordagens colaborativas entre indústria, governo, comunidade e organizações da sociedade civil.

A unidade de Santa Cruz do Sul (RS) foi a primeira fábrica do Brasil a ser certificada no Padrão AWS. A implementação permitiu melhorar a compreensão por parte da empresa do que o uso sustentável da água realmente significa, além de engajar os colaboradores para garantir que a operação atenda ao padrão da AWS, incluindo o envolvimento com autoridades locais, a comunidade agrícola e grupos da sociedade civil.

Levando em consideração a melhoria contínua proposta pelo padrão e que pode ser mensurada através de níveis de desempenho (AWS Gold e AWS Platinum), a empresa se compromete até 2025 a não somente manter a certificação, como também avançar em uma implementação mais profunda do padrão, como demonstração do nosso compromisso com a segurança hídrica na região onde nossa operação e a nossa cadeia de valor está presente.

Planejamento para cumprimento das metas

Até 2021 – Manutenção da performance Core

2022 – Progressão para performance Gold

2025 – Progressão para performance Platinum

Forma de avaliação

Avaliações periódicas por parte da auditoria externa.

Projetos Relacionados:

Uso sustentável da água com o padrão AWS

A Philip Morris utiliza como parâmetro as diretrizes do padrão Alliance for Water Stewardship (AWS), que consiste na adoção de ações voltadas para o uso sustentável da água no processo de manufatura. Um dos desdobramentos em 2019 foi a atualização do padrão AWS, sendo a Philip Morris Brasil a primeira empresa no país certificada no […]

Resultados da gestão de recursos hídricos no padrão AWS

Por meio de seu website, a Philip Morris informa anualmente os resultados da gestão de recursos hídricos, como parte dos requisitos para a certificação no padrão Alliance for Water Stewardship (AWS). Além disso, divulga informações sobre o tema em seu Relatório de Sustentabilidade e participa da plataforma CDP Water.

Programa de recuperação e proteção das nascentes

A recuperação e proteção de nascentes do Arrio Andréas é a principal vertente das ações da Philip Morris no engajamento de sua cadeia de valor ao tema da Segurança Hídrica. A iniciativa é conduzida no âmbito do Comitê Gestor da Bacia Hidrográfica do Rio Pardo, em parceria com a Prefeitura de Vera Cruz (RS) e a […]

Relato de práticas de gerenciamento de recursos hídricos pelo CDP

Relato de práticas de gerenciamento de recursos hídricos pelo CDP. A Philip Morris continuará a reportar de forma transparente seus esforços em relação à gestão da água.