Como a sustentabilidade pauta a estratégia de negócio da Braskem

A Braskem sempre manteve o desenvolvido sustentável no centro da sua estratégia. Recentemente, renovamos nossas metas de desenvolvimento sustentável e assumimos novos compromissos, alinhados à agenda 2030 da ONU. Esses compromissos estão divididos em 7 dimensões, sendo uma delas o combate às mudanças climáticas, na qual temos a meta de reduzir em 15% as emissões de gases do efeito estufa até 2030 e atingirmos a neutralidade de carbono até 2050.

Os esforços em reduzir nossas emissões, porém, não começaram agora. Entre 2008 e 2020, atingimos uma redução em mais de 17% na intensidade de emissões de gases de efeitos estufa. Alcançamos 94% da meta de longo prazo para mudanças climáticas, planejadas para 2020, o que evitou a emissão de quase 30 milhões de toneladas de CO2. Esse resultado é o equivalente a plantar mais de 200 milhões de árvores.

Também tivemos avanços importantes em nosso portfólio, investindo no desenvolvimento de produtos de matéria-prima renovável. O I’m green™, por exemplo, primeiro plástico de fonte renovável produzido em escala industrial no mundo, é um polietileno que tem a cana-de-açúcar como matéria-prima.

Além atender a diversos setores do mercado com o mesmo desempenho das resinas convencionais, a resina produzida da cana-de-açúcar captura até 3,09 toneladas de gás carbônico durante seu processo produtivo, contribuindo duas vezes para a redução nas emissões de gases do efeito estufa. Temos convicção de que o PE Verde pode transformar a cadeia de valor do setor não só do Brasil, mas promover uma mudança significativa no mercado global.

A demanda por biopolímeros tem aumentado de forma consistente no mundo todo e, para acompanhar essa tendência, aprovamos, no começo deste ano, a ampliação da planta de fabricação de eteno verde, base do desenvolvimento de resinas renováveis. A unidade industrial de Triunfo, no Rio Grande do Sul, recebeu investimento de mais de R$ 60 milhões para ampliar sua capacidade produtiva para 260 mil toneladas de eteno verde até o fim de 2022.

Outra iniciativa realizada em busca da diminuição das nossas emissões de CO2, são os investimentos feitos na aquisição de energia de fontes renováveis. Em 2020, assinamos mais dois contratos para o fornecimento de energia solar por mais de 20 anos para nossas unidades industriais. O primeiro deles, com a multinacional francesa Voltalia, tem potencial de reduzir as emissões de CO2 em 130 mil toneladas ao longo do período do contrato. O segundo acordo, firmado com a empresa Canadian Solar Inc., tem potencial de redução de emissões de até 500 mil toneladas de CO2 .

Já avançamos muito na busca por uma atuação mais sustentável. Com o constante investimento em pesquisa e inovação, acreditamos que seremos capazes de oferecer cada vez mais soluções sustentáveis para o mercado global. É dessa forma que vamos transformar, hoje, o mundo em um lugar mais sustentável para todos. Deste tempo e dos próximos.

 

Por Roberto Lopes Pontes Simões

CEO da Braskem

compartilhe:

Assine nossa newsletter

Informe seu e-mail e receba os nossos conteúdos. Respeitamos a privacidade das suas informações não compartilhando-as com ninguém.

Notícias relacionadas

Confira as notícias mais atuais e relevantes para ficar por dentro do que está em debate na agenda do Desenvolvimento Sustentável.

Publicações relacionadas

Quer se aprofundar ainda mais neste assunto? Confira aqui outras publicações relacionadas a esta mesma temática.

Eventos relacionados

Confira nossos próximos eventos relacionados a este tema e junte-se a nós para debater e compartilhar melhores práticas.