Nestlé cria embalagem para substituir plástico

A Nestlé, empresa associada ao CEBDS, criou um material capaz de substituir as embalagens plásticas. Trata-se de um papel reciclado com revestimento de polímero que o torna impermeável e resistente o suficiente para passar pela linha de produção, transporte e armazenamento por nove meses. Diferente da embalagem plástica, o novo material reciclado se degrada depois de seis meses no oceano, segundo a empresa.

A empresa diz que não pretende patentear a inovação, o que permitirá que outras empresas adotem o material a partir de abril de 2020. Para Erwin Reisner, chefe do Centro de Economia Circular para Eliminar Resíduos Plásticos da Universidade de Cambridge, no Reino Unido, a nova tecnologia da Nestlé é um “passo importante”. “Isso vai pressionar outros fabricantes”, afirma ao Financial Times. Para além de alternativas, ele ressaltou no entanto que é necessário tornar o plástico reutilizável e reciclável.

Saiba mais: https://epocanegocios.globo.com/Empresa/noticia/2019/07/nestle-cria-embalagem-resistente-para-substituir-plastico.html

compartilhe:

Assine nossa newsletter

Informe seu e-mail e receba os nossos conteúdos. Respeitamos a privacidade das suas informações não compartilhando-as com ninguém.

Notícias relacionadas

Confira as notícias mais atuais e relevantes para ficar por dentro do que está em debate na agenda do Desenvolvimento Sustentável.

Publicações relacionadas

Quer se aprofundar ainda mais neste assunto? Confira aqui outras publicações relacionadas a esta mesma temática.

Eventos relacionados

Confira nossos próximos eventos relacionados a este tema e junte-se a nós para debater e compartilhar melhores práticas.