Reino Unido irá financiar produção sustentável de soja no Brasil

Na Semana da Ação Climática em Londres, realizada em julho, foi lançado o primeiro mecanismo financeiro do mundo a oferecer títulos verdes para financiar a produção sustentável da soja no Brasil

O Responsible Commodities Facility (Fundo de Commodities Responsáveis), apresentado na Bolsa de Londres (London Stock Exchange), terá como objetivo o fornecimento de linhas de crédito a juros baixos para produtores brasileiros comprometidos em utilizar pastos degradados e evitar o desmatamento e retirada de mata nativa para agricultura. A expectativa é de que o mecanismo forneça mais de 1 bilhão de dólares nos próximos quatro anos para financiar a produção de mais de 180 milhões de toneladas de soja e milho sustentáveis.

“A demanda global por soja não mostra sinais de desaceleração e, consequentemente, está levando a uma expansão contínua da área de produção agrícola no Brasil”, disse Shaun Kingsbury CBE, presidente do conselho de administração da Sustainable Investment Management Ltd – SIM, empresa gestora do fundo. “Com o redirecionamento da expansão da soja em áreas de pastagens já degradadas, o Responsible Commodities Facility contribuirá para conter o desmatamento para abertura de áreas de Cerrado, reduzindo as emissões de carbono e promovendo o respeito às leis ambientais brasileiras (isto é, o Código Florestal).”

Saiba mais: https://www1.folha.uol.com.br/opiniao/2019/07/reino-unido-na-vanguarda-do-combate-global-as-mudancas-climaticas.shtml

compartilhe:

Assine nossa newsletter

Informe seu e-mail e receba os nossos conteúdos. Respeitamos a privacidade das suas informações não compartilhando-as com ninguém.

Notícias relacionadas

Confira as notícias mais atuais e relevantes para ficar por dentro do que está em debate na agenda do Desenvolvimento Sustentável.

Publicações relacionadas

Quer se aprofundar ainda mais neste assunto? Confira aqui outras publicações relacionadas a esta mesma temática.

Eventos relacionados

Confira nossos próximos eventos relacionados a este tema e junte-se a nós para debater e compartilhar melhores práticas.