CEBDS reúne ministra, líderes globais e CEOs para debater caminhos para o protagonismo do Brasil

Congresso terá nomes como Marina Silva, John Kerry e Peter Bakker para apontar estratégias para o avanço do desenvolvimento sustentável

O Conselho Empresarial Brasileiro para o Desenvolvimento Sustentável (CEBDS) realiza, no próximo dia 18 de outubro, o 11º Congresso Internacional para o Desenvolvimento Sustentável, no Museu de Arte de São Paulo (MASP), a partir das 9h. O evento gratuito, que terá transmissão em tempo real, tem o mote “Brasil: protagonista da nova economia” e reunirá líderes de renome mundial para discutir tópicos cruciais na agenda de sustentabilidade.

Alguns dos 28 palestrantes são: Marina Grossi, presidente do CEBDS; Marina Silva, Ministra do Meio Ambiente e Mudança do Clima; John Kerry, enviado especial para o clima do governo dos Estados Unidos (participação remota); Peter Bakker, presidente do World Business Council for Sustainable Development (WBCSD); Neca Setúbal, socióloga, doutora em psicologia social e presidente da Fundação Tide Setubal; Felipe Arango, Technical Advisor and Pilots Lead on TNFD (Taskforce for Nature-related Financial Disclosures); e Nick Hurd, chair do Global Steering Group for Impact Investment (participação remota). 
 

Estarão também nos debates presidentes e diretores de algumas das maiores empresas com atuação no Brasil e representantes de governo e sociedade civil.
 

“O Brasil tem condições de ser protagonista na economia limpa, com potencial para se tornar o primeiro a alcançar a neutralidade climática. Este encontro serve como um espaço essencial para compartilhar experiências, disseminar boas práticas e traçar estratégias que impulsionem ações sustentáveis nos negócios, além de reafirmar o comprometimento das empresas com a agenda de sustentabilidade”, destaca a presidente do CEBDS, Marina Grossi.
 

O foco deste ano está em como aproveitar o atual momento do Brasil na agenda de sustentabilidade e se preparar para as próximas conferências internacionais que serão realizadas no país, como o encontro do G20, em 2024, no Rio de Janeiro, e a COP30, em 2025, em Belém. O evento contará com sete painéis de discussão, com temas como: combate à desigualdade; desenvolvimento sustentável da Amazônia; o papel da inovação na promoção da biodiversidade; Soluções Baseadas na Natureza e caminhos para a neutralidade climática (net zero); e a importância dos relatórios de sustentabilidade para a jornada ESG.
 

Um dos pontos altos do congresso será a entrega do Prêmio CEBDS de Liderança Feminina, agora em sua 6ª edição. Esta premiação, exclusiva para associadas do CEBDS, reconhece mulheres e empresas que contribuem para o alcance dos Objetivos do Desenvolvimento Sustentável (ODS) e incentivam a formação de novas lideranças femininas. As duas categorias são “Empresas Associadas” e “Mulheres no Board”, com um foco especial no ODS 5, que busca alcançar a igualdade de gênero e capacitar todas as mulheres e meninas até 2030.
 

Esta edição do Sustentável conta com o patrocínio de Petrobras, Governo Federal, Arcadis, Bradesco, Equinor, Shell, dsm-firmenich, JBS e Syngenta, com apoio de Deep ESG, Instituto de Cidadania Empresarial (ICE) e Sirin 2. 
 

Confira a programação completa clicando aqui.

O evento será transmitido ao vivo nos perfis do Valor Econômico no YouTube, LinkedIn e Facebook.

compartilhe:

Assine nossa newsletter

Informe seu e-mail e receba os nossos conteúdos. Respeitamos a privacidade das suas informações não compartilhando-as com ninguém.

Últimas publicações

Últimas notícias