A falta de acesso à água contribui para a desigualdade de gênero

A falta de acesso à água e saneamento também contribui para o aumento da desigualdade de gênero. Isso acontece porque, historicamente, as mulheres são relegadas às atividades domésticas. Em um cenário de escassez hídrica, elas acabam se tornando as principais responsáveis pela coleta de água para a família. Em países da África subsaariana, por exemplo, uma caminhada para coletar água dura em média 30 minutos, podendo facilmente chegar a 1 hora.

Segundo a Unicef, se somarmos o tempo que mulheres e meninas gastam para coletar água, em todo o mundo, chegamos a inacreditáveis 200 milhões de horas por dia! Veja aqui: http://bit.ly/2FgdaGt

Você já parou pra pensar o quanto isso prejudica a vida das mulheres? Já imaginou se essas 200 milhões de horas pudessem ser gastas com estudos e trabalho, por exemplo? Quantas mulheres não teríamos em postos de poder?

Um mundo mais sustentável deve passar, necessariamente, pela #igualdadedegênero!

#DiaInternacionaldaMulher #TodosJuntosPelaÁgua #8M #ÁguaEmNúmeros #ODS5 #ODS6

Share:

Sign up for our newsletter

Enter your email and receive our content. We respect the privacy of your information by not sharing it with anyone.

Related news

Check out the most current and relevant news to stay on top of what is being debated on the Sustainable Development agenda.

Related publications

Want to go deeper into this subject? Check here other publications related to this same theme.

related events

Check out our upcoming events related to this topic and join us to discuss and share best practices.