Fernando de Noronha começa a implantar projeto Carbono Zero

O projeto Noronha Carbono Zero, lançado em 2013, com previsão para cumprir a meta  em cinco anos (2018), começou a ser implantado no último dia 08, no arquipélago de Fernando de Noronha. Neste dia foi publicado o decreto-lei, que regulamenta a entrada, permanência e saída de veículos elétricos e estabelece os critérios de compra e uso dentro da ilha. O documento já foi assinado pelo governador Paulo Câmara.

“Essa vedação é necessária porque hoje não temos alternativas para embarcações, aeronaves e tratores e a proibição desses veículos movidos a combustíveis inviabilizaria o funcionamento da ilha. Mas o objetivo é que, a partir do surgimento de novas tecnologias, como de repente aeronaves elétricas, essa permuta vá sendo feita”, justificou o administrador da ilha, Guilherme Rocha. Na prática, o decreto-lei institui que a partir de 2030 todos os veículos à combustão sejam retirados de Fernando de Noronha, quando deve ser zerada a emissão de carbono na ilha.

Know more: https://www.diariodepernambuco.com.br/app/noticia/vida-urbana/2019/06/07/interna_vidaurbana,790241/apos-seis-anos-noronha-comeca-a-implantar-projeto-carbono-zero.shtml

Share:

Sign up for our newsletter

Enter your email and receive our content. We respect the privacy of your information by not sharing it with anyone.

Related news

Check out the most current and relevant news to stay on top of what is being debated on the Sustainable Development agenda.

Related publications

Want to go deeper into this subject? Check here other publications related to this same theme.

related events

Check out our upcoming events related to this topic and join us to discuss and share best practices.